Dengue

Dengue: saiba quais medicamentos e tratamentos são contraindicados e evite complicações graves

NOTÍCIAS

Com mais de 555 mil casos registrados no Brasil em 2023, a dengue é uma doença que exige atenção e cuidado. Além de se prevenir contra o mosquito Aedes aegypti, é fundamental saber quais medicamentos e tratamentos não devem ser utilizados durante a doença, pois podem piorar os sintomas e levar a complicações graves.

Veja também: Casos de dengue disparam no Brasil: alerta vermelho da saúde!

Medicamentos contraindicados para dengue:

  • Aspirina, AAS e outros salicilatos: aumentam o risco de sangramentos e agravam a doença;
  • Ibuprofeno, nimesulida, diclofenaco e outros anti-inflamatórios não esteroidais: podem causar hemorragias, irritação no estômago e rins;
  • Prednisona, hidrocortisona, dexametasona e outros corticoides: reduzem a imunidade e favorecem infecções secundárias, além de aumentar a pressão arterial e a glicose no sangue.

Falsos tratamentos:

  • Ivermectina e antibióticos: não têm efeito contra a dengue e podem causar efeitos colaterais como coceira, tontura e dores abdominais;
  • Caldo de cana, limão, vitamina C e B, própolis e bronchovaxom: não há comprovação científica de sua eficácia contra a dengue.

Cuidados essenciais:

  • Hidratação: beba bastante água, sucos e chás para evitar a desidratação;
  • Repouso: descanse bastante para que o organismo se recupere;
  • Medicamentos para aliviar os sintomas: dipirona e paracetamol podem ser usados para reduzir dores, desconforto e febre.

Fique atento:

  • Procure atendimento médico: se apresentar vômito persistente, dores abdominais fortes, sangue na urina ou fezes.

Vacinação:

  • Crianças e adolescentes de 10 a 14 anos: vacina Qdenga na campanha do Ministério da Saúde.
  • Rede privada: vacina Dengvaxia para pessoas de 6 a 45 anos que já tiveram dengue.

Não quer perder nenhum conteúdo exclusivo do Seu Passatempo? Então, vá até o Google Notícias e selecione “✩ Seguir”. Assim, todas as nossas atualidades aparecerão diretamente para você!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *