NUNCA FOI FÁCIL! Carta de adolescente babilônico de 3 mil anos atrás cheia de reclamações viraliza!

VIRAL

Uma carta escrita por um adolescente babilônico há 3 mil anos está causando sensação nas redes sociais. Iddin-Sin, o jovem autor da carta, expressou seu descontentamento com sua mãe de uma maneira inusitada, e a história viralizou no TikTok. Vamos dar uma olhada nas queixas desse jovem surpreendente!

Veja também: Veja quais foram os 5 terremotos mais fortes da história

A Carta de Iddin-Sin

Data: Por volta de 1792 a 1750 a.C.

A carta, conhecida como TCL 18 111, foi endereçada à mãe do jovem, chamada Zinû. Começa de maneira respeitosa, com Iddin-Sin desejando boa saúde à mãe em nome dos deuses Šamaš, Marduk e Ilabrat. No entanto, logo em seguida, as reclamações começam a surgir.

Queixas inusitadas

Iddin-Sin ficou particularmente chateado com o estado de suas roupas. Ele não hesitou em criticar sua mãe:

“As roupas dos cavalheiros melhoram a cada ano; você reduz minhas roupas de ano para ano”, reclama.

Ele continua, questionando: “Você ficou rica reduzindo e reduzindo minha roupa?”

A insatisfação do jovem não para por aí: “Enquanto a lã é consumida como pão em nossa casa, você reduziu minhas roupas”.

E para finalizar sua reclamação inusitada: “O filho de Adad-iddinam, cujo pai é funcionário do meu pai, está usando duas roupas novas. Você continua se preocupando com minha única peça de roupa”.

Uma carta cheia de história

Essa carta histórica foi encontrada em uma tábua de cartas em Larsa e agora é mantida no Museu do Louvre, em Paris. Ela nos oferece um vislumbre impressionante da vida cotidiana e das preocupações de um jovem babilônico há milênios.

O Seu Passatempo traz histórias fascinantes do passado que continuam a surpreender. Quer saber mais sobre relíquias antigas e curiosidades históricas? Continue conosco!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *